Hortolândia

Hortolândia terá vacinação antirrábica em setembro

Município se prepara para ação, que deve proteger cerca de 22 mil cães e gatos contra Raiva.

A Prefeitura de Hortolândia se prepara para mais uma Campanha de Vacinação Antirrábica no município, prevista para acontecer em setembro. Neste ano, a meta do município é imunizar 22 mil cães e gatos contra Raiva. A UVZ (Unidade de Vigilância e Zoonoses) divulgará em breve os locais de vacinação, que funcionarão aos sábados. Fique atento ao calendário e vacine seu animal de estimação.

A vacinação, que tradicionalmente acontece em agosto, foi agendada para setembro a fim de que o Ministério da Saúde envie ao município as doses necessárias para a campanha.

Neste ano, Hortolândia não registrou nenhum caso positivo de raiva em morcego. Porém, em 2018, dois morcegos com raiva foram capturados pela UVZ. Além disso, no ano passado o município registrou o primeiro caso positivo de raiva canina na história da cidade. O cão, sem raça definida, com dois anos de idade, nunca havia sido vacinado contra a doença. Após apresentar alteração no comportamento, como apatia (tristeza), andar cambaleante e emagrecimento, o animal foi atendido por veterinário de estabelecimento particular. O caso apresentou rápida evolução para paralisia dos quatro membros, com a manifestação de outros sintomas neurológicos. Os donos optaram por sacrificar o cão. A doença, que afeta principalmente cães e gatos, é transmitida pela saliva do morcego contaminado. A Raiva não tem tratamento e é fatal.

O morcego que existe na região é o frugívoro, que se alimenta de frutas e, por isso, não ataca outros animais, como fazem os morcegos hematófagos (que se alimentam de sangue de outros animais). No entanto, o contágio de cães e gatos acontece quando estes animais domésticos mordem morcegos contaminados, caídos no chão. “Os morcegos sadios não são encontrados caídos. Eles se movimentam no ar, principalmente, no amanhecer e no final do dia, quando está escuro. Por isso, se alguém encontrar algum morcego com hábitos diurnos ou caído no quintal, não deve tocar neste animal em nenhuma hipótese. É preciso acionar a UVZ para fazer a remoção”, destaca o coordenador da UVZ, Ibraim Almeida. O telefone da UVZ é (19) 3897-3312.

Fonte: Prefeitura de Hortolândia

Comentários via Facebook

Facebook

Contato

Fale com a redação


(19) 98717-6259

INSCREVA-SE EM NOSSO CANAL

Horóscopo

Patrocinadores

OUÇA AQUI A RÁDIO DIGITAL POP!

NoAr – Rádio Digital Pop