Hortolândia

Limpeza do Ribeirão Jacuba e ações de prevenção amenizam impacto das chuvas

As ações de limpeza do Ribeirão Jacuba e as obras de prevenção de enchentes na região central, realizadas pela Prefeitura de Hortolândia, além dos reservatórios existentes no Parque Lago da Fé, no Parque Remanso das Águas e embaixo da Ponte da Esperança, foram fundamentais para que não fossem registradas ocorrências de maior gravidade depois da chuva que atingiu a cidade, nos últimos dias. “Em comparação ao ano passado, quando registramos, nesta mesma época, um acumulado de aproximadamente 138 milímetros de chuva, as ocorrências deste ano foram de menor impacto”, explica o gerente da Defesa Civil, Iluíde Carbonero. Hortolândia registrou 142,4 milímetros de chuva neste domingo (12/01). Nas últimas 72 horas, o acumulado foi de 143,9 milímetros. Os dados são da Defesa Civil, órgão vinculado à Secretaria de Segurança da Prefeitura. A cidade está em estado de atenção por causa da chuva.

Desde as primeiras horas desta segunda-fera (13/01), equipes da Secretaria de Serviços Urbanos realizam a limpeza das ruas, com apoio de agentes de Mobilidade Urbana. Na noite deste domingo, a Prefeitura registrou alagamento na ponte entre o Jd. São Sebastião e o Jd. Interlagos; alagamento na avenida Santana, esquina com a rua João Mendes, próximo ao Parque Socioambiental Chico Mendes, na região central; problemas no telhado do Centro de Especialidades Médicas, que permanece fechado para manutenção nesta segunda-feira (13/01); e duas casas alagadas, na Vila São Francisco e no Jd. Nova Hortolândia. A Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social realizou o atendimento das famílias, que permanecem nos imóveis.

COLABORAÇÃO

De acordo com a Secretaria de Serviços Urbanos, é importante que a população evite descartar lixos como copo, sacolas e garrafas PET nas ruas, já que a enxurrada causa o acúmulo dos materiais em bueiros, dificultando o escoamento na rede de águas pluviais e causando enchentes e alagamentos.

O descarte irregular de lixo, entulho e resíduos é crime ambiental sujeito a multa, em Hortolândia. De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, quem quiser ajudar na identificação de pessoas e veículos que praticam crime ambiental pode enviar fotos e textos para o aplicativo do Programa Agenda Verde. Para baixar o aplicativo, basta fazer o download gratuito nas plataformas Google Play ou App Store do seu smartphone. A identidade dos denunciantes é mantida em sigilo.

 

Fonte: Prefeitura Municipal de Hortolândia

Comentários via Facebook

Facebook

Contato

Fale com a redação


(19) 98717-6259

INSCREVA-SE EM NOSSO CANAL

Horóscopo

Patrocinadores

OUÇA AQUI A RÁDIO DIGITAL POP!

NoAr – Rádio Digital Pop