Nova data das eleições municipais deve ser definida até dia 30; 1º turno pode ocorrer em novembro

O Tribunal Superior Eleitoral fez, nessa terça-feira, uma audiência pública para discutir possíveis mudanças nas eleições municipais devido à pandemia do novo coronavírus. Inicialmente, o primeiro turno está marcado para o dia 4 de outubro e o segundo turno, para o dia 25 do mesmo mês. Todos os participantes são favoráveis ao adiamento.

Após a reunião, o presidente do TSE, Luís Roberto Barroso, disse que a expectativa é que o primeiro turno ocorra a partir do dia 15 de novembro, e o segundo, até 20 de dezembro.

Entre os participantes da reunião estavam o infectologista David Uip; o biólogo Atila Iamarino; lideranças partidárias e os presidentes do Senado, Davi Alcolumbre, e da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia.

De acordo com Maia, existe a possibilidade de aumentar o tempo da propaganda eleitoral obrigatória para compensar a dificuldade de fazer eventos como comícios.

Durante a reunião, ficou acertado que a nova data da eleição municipal seja definida até o dia 30 deste mês. A pressa é para reduzir o impacto no calendário eleitoral. Na semana passada, o TSE já havia autorizado os partidos a realizar as convenções partidárias virtuais entre os dias 20 de julho e 5 de agosto.

Fonte: Radioagência Nacional

Comentários via Facebook