Hortolândia

Jovem perde emprego durante quarentena e uma postagem na internet o faz ser contratado por outra empresa

Foto: Redes sociais.
Uma despretensiosa publicação em uma rede social sobre o momento em que estava vivendo mudou a vida de Wellington novamente.

O paulista Wellington Failla, 30 anos, morador de Hortolândia, na região de Campinas (SP), é um dos milhares de brasileiros que perderam o emprego por conta da pandemia do novo coronavírus (covid-19).

Formado em administração de empresas e sem perspectivas de uma recolocação rápida, Wellington não pensou duas vezes e foi trabalhar como entregador de delivery. Afinal, tinha uma família para sustentar.

Mas uma despretensiosa publicação em uma rede social sobre o momento em que estava vivendo mudou a vida de Wellington novamente.

“Enquanto a recolocação não vem, não posso ficar de braços cruzados. Preciso colocar comida na mesa da minha casa e criar minha filha [a pequena Helena, hoje com 5 meses]”, escreveu Wellington no Linkedin.

A publicação logo viralizou –foram mais de 125 mil curtidas e 3.690 comentários— e Wellington foi convidado para participar de um processo seletivo e conseguiu uma vaga na Ambev.

“Sou imensamente grato pelo que aconteceu depois disso, consegui conhecer muita gente boa, pessoas além de profissionais, pessoas com compaixão e resiliência, torcendo para um futuro melhor pra mim e para todos que estão buscando a recolocação”.

Wellington usou a mesma rede social para agradecer o apoio e a oportunidade. “Sim, foi daqui o ponta pé inicial de um novo ciclo na minha vida, quando decidi parar de lamentar minha demissão por conta da crise, quando decidi não deixar essa fase ruim me alcançar com pessimismo e o desânimo tomar conta da minha mente, quando disse até logo para minhas graduações e para minha profissão de origem, para não ficar de braços cruzados”.

Fonte: https://catracalivre.com.br/

Comentários via Facebook

Facebook

Contato

Fale com a redação


(19) 981565064

Horóscopo