Prefeitura e Sabesp fiscalizam ligações irregulares e fazem manutenção no esgoto

Foto: Prefeitura de Hortolândia

Para melhorar a coleta e o tratamento do esgoto realizados pela  Prefeitura  de Hortolândia, em parceria com a Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo), 16 bairros recebem serviços de manutenção de rede, desde o início da semana. O trabalho de orientação, manutenção, ligação da rede, bem como de fiscalização para que a cidade atinja 100% de coleta de esgoto, com tratamento de resíduos, acontece diariamente.

Ajustes nas redes de esgoto foram realizados nos jardins Amanda, Terras de Santo Antonio e Novo Ângulo. Já a fiscalização contra irregularidades no descarte aconteceu nos jardins Santa Esmeralda, Santa Izabel, Adelaide, onde foram distribuídos panfletos, alertando sobre a importância da ligação regular, além da Vila Inema. No Jardim Sumarezinho e no Parque Orestes Ôngaro, foram realizadas ligações na rede para o descarte regular em algumas residências.

Já moradores dos jardins São Miguel, Santa Rita de Cássia, Santa Clara do Lago, Nossa Senhora Auxiliadora e do Loteamento Adventista Campineiro, Parque do Horto e Vila Real foram orientados a realizar as ligações corretas e não despejar resíduos de maneira irregular. Atualmente, o índice de coleta atinge 97,6% de cobertura, sendo que 100% do esgoto coletado já é tratado.

De acordo com a Secretaria de Serviços Urbanos, o descarte irregular do esgoto doméstico, além de ser prejudicial à saúde, prejudica o meio ambiente, atingindo rios, ribeirões, nascentes e mananciais da cidade. Segundo a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, quem quiser ajudar na identificação de pessoas que praticam crime ambiental pode enviar fotos e textos para o aplicativo do Programa Agenda Verde, disponível para download gratuito, nas plataformas Google Play ou App Store. A identidade dos denunciantes é mantida em sigilo.

(*Com informações da Prefeitura de Hortolândia)

Comentários via Facebook