Profissionais da educação de Hortolândia participam de reuniões para discutir mudanças causadas pela Covid-19

Foto: Prefeitura de Hortolândia

A Prefeitura de Hortolândia promove, a partir da próxima terça-feira (01/09), uma série de 11 reuniões virtuais com os professores e gestores das 58 escolas da rede municipal de ensino. A ação da Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia visa abrir um canal para discutir as intensas mudanças na área da educação trazidas pela pandemia de COVID-19 e preparar os educadores para este novo cenário, além de permitir a troca de ideias e experiências e planejar a educação na prática.

O ciclo de encontros acontecerá de maneira remota, por meio do aplicativo Zoom, para garantir o distanciamento social exigido para conter a disseminação do Coronavírus. Segundo a Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, a intenção é manter o canal de diálogo, dar suporte às ações pedagógicas e estreitar ainda mais o relacionamento com os profissionais da rede.

Cada uma das reuniões contará com a participação de cerca de 100 profissionais da educação, entre professores, supervisores educacionais, gestores das unidades escolares e diretores de departamento (Educação Infantil, Ensino Fundamental, Educação Integral e EJA, Ciência e Tecnologia, Administração e Financeiro e Segurança Alimentar). A mediação será feita pela secretária da pasta, Sandra Fagundes Freire.

Os profissionais poderão encaminhar mensagens, por meio do chat, que serão  respondidas durante o encontro e também posteriormente, respeitando o tempo de cada bloco, formado por grupos de escolas. As reuniões estão agendadas no período da manhã e tarde, com tempo estipulado de uma hora e quinze minutos. O último encontro será no dia 3 de setembro.

“A Educação é um trabalho que envolve muita coletividade, não só do professor e dos seus alunos, mas de toda a comunidade escolar. Educação é troca, é partilha, diálogo. Por isso, entendemos que manter esse canal de comunicação com os nossos profissionais é fundamental. Estamos num momento muito sensível e novo. Temos sempre de trocar experiências, compartilhar nossas superações e refletirmos juntos”, enfatizou a secretária Sandra.

As aulas presencias em Hortolândia estão suspensas desde 23 de março, para os cerca de 26 mil alunos da rede municipal. Desde então, foi implantado o ensino remoto, seguindo orientações da legislação federal, estadual e municipal.

(*Com informações da Prefeitura de Hortolândia)

Comentários via Facebook