Durante velório, família ouve barulho e abre caixão de vítima da Covid-19, em Campinas

Foto: Reprodução/Google Street View

A família de uma idosa, que morreu em decorrência da Covid-19, interrompeu o velório que acontecia na manhã desta segunda-feira (31 de agosto) após ouvir um barulho vindo do caixão.

A família acreditou que a mulher poderia estar viva e, por isso, acionou a equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Segundo os agentes do Samu, a família alegou que a idosa estava se debatendo no caixão e estaria sendo velada viva.

Antes mesmo de chegar ao local da ocorrência, no Cemitério Parque das Flores, em Campinas (SP), os agentes do Samu foram informados que a mulher realmente estava morta e que tudo havia sido um mal entendido.

A família da idosa chegou a abrir o caixão para verificar, o que não é recomendado em velórios de pacientes vítimas da Covid-19.

Ao chegarem ao local, os médicos do Samu certificaram o óbito. Segundo a equipe, o barulho pode ter sido causado por gases que saíram do corpo da mulher e se concentraram no interior do saco usado para colocar o corpo no caixão.

Comentários via Facebook