Megaoperação da Polícia Federal contra facções criminosas cumpre mandados em Hortolândia

Foto: Polícia Federal

A Polícia Federal (PF) realizou na manhã desta quinta-feira (31 de agosto) a megaoperação Caixa Forte 2; foram cumpridos mandados em Hortolândia, Campinas e Indaiatuba.

A PF não divulgou detalhes sobre as ações na região; a operação conta com apoio da Ficco (Força Integrada de Combate ao Crime Organizado) e visa investigar o tráfico de drogas e a lavagem de dinheiro praticados por facções criminosas em todo o Brasil.

A megaoperação envolve cerca de 1.100 policiais que cumprem 623 ordens judiciais, sendo 422 mandados de prisão preventiva e 201 mandados de busca e apreensão espalhados por 19 estados e o Distrito Federal. A ação inclui ainda o bloqueio judicial de até R$ 252 milhões.

Todos os mandados foram expedidos pela 2ª Vara de Tóxicos de Belo Horizonte (MG). A atuação da PF busca desarticular a organização criminosa por meio de sua descapitalização. Foram identificados 210 integrantes do alto escalão da facção em presídios federais.

Os presos são investigados pelos crimes de participação em organização criminosa, associação para o tráfico de drogas e lavagem de dinheiro. As penas podem chegar a 28 anos de prisão.

Comentários via Facebook