Rua do Centro de Campinas ficará interditada por 60 dias para obras

Foto: Divulgação

As obras de implantação do Corredor BRT (Bus Rapid Transit, Ônibus de Trânsito Rápido) Campo Grande, na região central, avançam para a Rua Dr. Mascarenhas, a partir desta quarta-feira, 2 de setembro. Para a execução da nova etapa, a via será totalmente interditada ao tráfego de veículos, no trecho entre as vias Saldanha Marinho e Andrade Neves. 

O cruzamento com a Rua Onze de Agosto estará liberado para circulação. Também haverá pré-bloqueio na Avenida João Penido Burnier (sentido Centro-bairro), no trecho entre as vias Senador Saraiva e Saldanha Marinho. Os acessos locais (residencial e comercial) serão garantidos. 

O local recebe a implantação de faixas exclusivas para os veículos BRT, com pavimento de concreto; além de trabalhos de drenagem. A previsão inicial é que as obras se estendam por cerca de 60 dias.  

A Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas programou desvios para garantir a circulação dos motoristas e dos ônibus do transporte público coletivo. Os motoristas que trafegam pela Avenida Orosimbo Maia e Rua Jorge Miranda deverão seguir pela pista externa da Avenida Senador Saraiva e acessar a Avenida Benjamin Constant para chegar à Andrade Neves. Na sequência, será possível acessar o trecho liberado da Rua Dr. Mascarenhas. 

O desvio será utilizado por cinco linhas de ônibus do transporte público coletivo, que têm como destino o Terminal Metropolitano e as regiões do Campo Grande e Padre Anchieta. São elas: 212, 212.1, 264, 366 e 396.

Já os motoristas que trafegam pela Rua José Paulino ou Benjamin Constant devem seguir diretamente por esta avenida, acessando a Andrade Neves na sequência. Onze linhas de ônibus, que atendem o Terminal Metropolitano, utilizarão este desvio: 132, 213, 213.1, 341, 349, 357, 385, 386, 403, 408 e 408.1. 

Por conta dos desvios, dois pontos de ônibus serão temporariamente desativados, na Avenida João Penido Burnier (posterior à Rua Culto à Ciência) e na Rua José Paulino (posterior à Rua Barreto Leme). Para o atendimento dos usuários que utilizam este último ponto, a Emdec implanta uma parada provisória na Avenida Benjamin Constant, após o cruzamento com a Rua José Paulino. 

Etapas

Atualmente, a região central recebe obras simultâneas nas vias Marquês de Três Rios e João Penido Burnier. Nesta última, são construídas as estações do futuro Terminal BRT Mercado.

As frentes de obras na região central integram o Lote 1, Trecho 1 da implantação dos Corredores BRT. O trecho 1 compreende a ligação entre a região central até a Vila Aurocan, com extensão de 4,3 km; além de todo o Corredor Perimetral, com 4,1 km. Juntos, os três corredores BRT do município – Campo Grande, Ouro Verde e Perimetral – somam 36,6 km de extensão e têm custo total de R$ 451,5 milhões. 

A população pode esclarecer dúvidas sobre a implantação dos Corredores BRT pelo telefone 118, o “Fale Conosco Emdec”.

*Com informações da Prefeitura de Campinas

Comentários via Facebook