Orçamento de Hortolândia para o próximo ano é de aproximadamente R$ 1 bilhão

Foto: PMH

O orçamento de Hortolândia estabelecido para o próximo ano, de acordo com a Secretaria de Finanças da Prefeitura, é de aproximadamente R$ 1 bilhão, conforme a LOA (Lei Orçamentária Anual), que será votada na Câmara de Vereadores, nos próximos dias. O Projeto de Lei 157/20019, de autoria do Poder Executivo, detalha as despesas e receitas da Administração Municipal, com a indicação de todas as fontes de recursos e a destinação dos valores arrecadados para 2021.

De acordo com o secretário de Finanças, Pedro Galindo, uma alavanca importante para o orçamento do ano que vem é o crescimento do repasse do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços). Este valor é calculado com base na diferença de entrada e saída de mercadorias e serviços no município, na receita própria, no índice populacional, entre outros fatores. O valor arrecadado pelos municípios é enviado ao Governo do Estado, que calcula o repasse destinado às cidades e faz a divisão. 

“Isso demonstra que Hortolândia só tem crescido, pois, mesmo em tempos de crise e com a pandemia do Coronavírus, estamos conseguindo resistir e movimentar a economia. Para o próximo ano, temos orçamento para ações importantes, como ampliação de ciclovias na cidade, instalação de novos pontos de ônibus, reforço na sinalização de trânsito e a principal obra da Administração Municipal, que é a conclusão da reforma e ampliação do Hospital Mário Covas”, destacou Galindo.

SUPERAÇÃO DESDE O INÍCIO DA GESTÃO

Desde 2017, quando o prefeito Angelo Perugini assumiu a Prefeitura, o município trabalha para ampliar a receita municipal e aumentar os investimentos em obras e serviços. Em 2016, a arrecadação foi de R$ 696,8 milhões. Os números, desde então, vêm crescendo. Conforme dados da Secretaria de Finanças, em 2017, a arrecadação foi de R$ 720,9 milhões; em 2018, foi de R$ 757,6 milhões; e, até outubro deste ano, R$ 753, 9 milhões. 

Com informações da Prefeitura de Hortolândia

Comentários via Facebook