Supermercado é acusado de racismo em Hortolândia

Foto: Reprodução/Google Street View

Uma menina de sete anos e a sua mãe teriam sido vítimas de racismo em um supermercado do Jardim Novo Ângulo, em Hortolândia, no último domingo (06 de dezembro).

O relato foi publicado nas redes sociais, segundo o autor do post, a criança foi acusada de furtar uma barra de chocolate após um segurança “ter a impressão” que a menina tinha pegado o doce.

Mãe e filha teriam sido constrangidas e humilhadas e não tiveram o apoio dos responsáveis pelo supermercado. Em vídeo publicado nas redes sociais, a criança chora e relata o ocorrido (veja abaixo).

A rede de supermercados Dia disse, em nota, que lamenta o ocorrido e que está apurando os fatos. A companhia informa ainda que zela pela qualidade no atendimento aos clientes e que tomará as medidas necessárias.

Comentários via Facebook