Hortolândia regride para a fase laranja e terá toque de recolher à noite e nos finais de semana

Foto: Prefeitura de Hortolândia

O Governo de São Paulo retrocedeu a cidade de Hortolândia e todas as outras do Departamento Regional de Saúde (DRS) de Campinas para a fase laranja do Plano SP de flexibilização da quarentena.

A fase laranja, no entanto, valerá apenas durante os dias úteis. Durante os finais de semana, as cidades retrocedem para a fase vermelha e apenas serviços essenciais (como supermercados e farmácias) poderão funcionar. O toque de recolher também valerá para as noites de todos os dias, com a fase vermelha começando às 20h. A medida vale a partir de segunda-feira (25).

As cidades das regiões de Araçatuba, São José do Rio Preto, Araraquara, Ribeirão Preto, São João da Boa Vista, Piracicaba, São Paulo e região metropolitana, Baixada Santista e Registro tambéme estarão na fase laranja. As regiões de Presidente Prudente, Marília, Bauru, Sorocaba, Taubaté, Franca e Barretos estão agora na fase vermelha, a mais restritiva.

O Governo também decidiu cancelar a obrigatoriedade da dos alunos irem presencialmente às escolas durante a volta as aulas. Nenhuma região do estado ficou na fase amarela, tampouco na fase verde da quarentena.

Veja as regras:

Shoppings:
Capacidade 40% limitada
Horário reduzido (8 horas): Após as 6h e antes das 20h
Praças de alimentação: funcionamento de acordo com a categoria do estabelecimento
Adoção dos protocolos geral e setorial específicos

Comércio:
Capacidade 40% limitada
Horário reduzido (8 horas): Após as 6h e antes das 20h
Adoção dos protocolos geral e setorial específicos

Serviços:
Capacidade 40% limitada
Horário reduzido (8 horas): Após as 6h e antes das 20h
Adoção dos protocolos geral e setorial específicos

Restaurantes (consumo local):
Capacidade 40% limitada
Horário reduzido (8 horas): Após as 6h e antes das 20h
Consumo local e atendimento exclusivo para clientes sentados
Venda de bebidas alcóolicas até as 20h
Adoção dos protocolos geral e setorial específico

Bares:
Atividade não permitida.

Salões de Beleza e Barbearias:
Capacidade 40% limitada
Horário reduzido (8 horas): Após as 6h e antes das 20h
Adoção dos protocolos geral e setorial específicos

Academias:
Capacidade 40% limitada
Horário reduzido (8 horas): Após as 6h e antes das 20h
Agendamento prévio e hora marcada
Permissão apenas de aulas e práticas individuais, suspensas as aulas e práticas em grupo
Adoção dos protocolos geral e setorial específicos

Eventos:
Capacidade 40% limitada
Horário reduzido (8 horas): Após as 6h e antes das 20h
Obrigação de controle de acesso, hora marcada e assentos marcados
Assentos e filas respeitando distanciamento mínimo
Proibição de atividades com público em pé
Adoção dos protocolos geral e setorial específico

Comentários via Facebook