Doria convida Temer, Sarney e FHC para “ato pró-vida”; Dilma recusou o convite

Foto: Governo do Estado de São Paulo

O Governador de São Paulo, João Doria, estará com os ex-presidentes do Brasil Michel Temer, José Sarney e Fernando Henrique Cardoso para um “ato pró-vacina” nesta segunda-feira (25) em São Paulo.

A cerimônia acontece no dia do aniversário da cidade de São Paulo e data do padroeiro São Paulo Apóstolo.

A ex-presidente Dilma Rousseff afirmou que foi convidada para ser vacinada hoje com a CoronaVac, mas que negou o convite pois considera inaceitável furar a fila: “Agradeço, mas diante das circunstâncias tenho o dever de recusar a oferta, por razões éticas e de justiça”.

No entanto, o Governo Estadual diz que o convite foi para um evento em defesa da vacinação, e não para que os convidados sejam vacinados. Ainda segundo a assessoria do Governo, Sarney participará remotamente e os ex-presidentes Fernando Collor e Luis Inácio Lula da Silva também foram convidados, mas ainda não haviam respondido.

Comentários via Facebook