Homem que matou ex a marteladas é preso em Sumaré

Acusado de matar a ex companheira a marteladas em Sumaré-SP foi preso nessa quarta-feira (17). A Delegada titular da delegacia de Defesa da Mulher Regina Aparecida conseguiu na Justiça o mandato de prisão preventiva do autor do crime. 

Ele foi autuado em flagrante durante esclarecimentos na Delegacia . Ele chegou a confessar o crime e alegou legítima defesa. Na versão dele, ela teria tentado o atacar com o martelo. Já a versão apresentada por familiares baseado na fala da criança que presenciou tudo, a mãe dele estava lavando roupa e foi surpreendida por ele. O advogado pediu liberdade provisória. 

A família alega que a versão contata pelo autor do assassinato é inverídica. “Ela não quebrou a moto dele, tanto que ele saiu de moto e no quintal não tem nenhum destroço dessa moto”, alegou uma amiga da vítima que se sente indignada ao saber que ele estava solto. A prisão dele veio como alívio a família e familiares. 

A versão apresentada foi de que a vítima estava em um bar na noite de sexta feira (12) e ele teria ido até ela para conversar sobre um possível retorno ao relacionamento. Ela já tinha dado um ponto final, mas ele ainda insistia. A vítima foi abordada enquanto lavava roupas. Ele a golpeou com martelo na cabeça por várias vezes até a morte. No quintal ficou um balde com roupas que estariam sendo lavadas por ela, o que indica que a versão dele é inverídica. 

Direto da Redação
TV HORTOLÂNDIA

 

Comentários via Facebook