Homem que fez ataque racista a motoboy comete outra injúria racial em Campinas

O homem que, em julho do ano passado, proferiu diversas ofensas racistas contra um motoboy em um condomínio de Valinhos foi flagrado cometendo mais injúrias raciais nesta sexta-feira (09 de abril) em Campinas. O caso, na época, repercutiu em todo o Brasil e virou caso de Polícia.

Identificado como Matheus Abreu Almeida Prado Couto, o homem aparece em um vídeo agredindo verbalmente os funcionários e clientes de um mercado que fica localizado na Avenida Dr. Eduardo Pereira de Almeida, no Jardim Real Parque, região de Barão Geraldo.

O homem teria chegado ao local sem máscara e, ao ser orientado para se retirar, começou com as ofensas. É possível ver ele dizendo ser “nórdico” (pessoa que nasce em países europeus) e ameaçando a Polícia: “Manda a PM [Polícia Militar] aí que eu mato a PM aqui na rua”.

No final do registro, o homem diz que uma das pessoas presentes “tem inveja”, referindo-se à sua cor de pele. No episódio do motoboy, ele havia dito as mesmas injúrias. Após as agressões, o homem foi até a casa onde mora, no Jardim São Gonçalo, mas foi encontrado por motoboys que o reconheceram. A Guarda Municipal precisou ser acionada e, questionado, o pai de Matheus afirmou que o filho sofre de esquizofrenia.

Comentários via Facebook