Prefeitura emite nota sobre investigação da PF em Hortolândia

A Prefeitura de Hortolândia emitiu nota sobre a “Operação Contágio” que investiga desvios de recursos públicos na área da saúde. Foram cumpriudos mandados hoje em Hortolândia e nas cidades de Embu das Artes e Itapecerica da Serra.,

A investigação teve origem após a Controladoria Geral da União (CGU) ter identificado uma Organização Social (OS), sem capacidade técnica, contratada por esses municípios. Foram constatados indícios de fraude e direcionamento para prestação de serviços de saúde, em contratos que, somados, superam R$ 100 milhões. Alguns dos contratos foram firmados de maneira emergencial, para gestão e atendimento de pessoas infectadas com COVID-19.

Veja a nota oficial da prefeitura de Hortolândia:

A Prefeitura de Hortolândia, por meio da Secretaria de Governo, informa que, em relação à Operação Contágio, da Polícia Federal, a Administração Municipal está à disposição da investigação para que sejam apuradas as denúncias e, caso sejam identificadas irregularidades, os responsáveis sejam punidos com o rigor da lei.

A Prefeitura reitera que as contratações municipais obedecem critérios técnicos, passam por auditoria interna e que, mesmo diante da necessidade de ações emergenciais no combate à pandemia, sempre são observadas as determinações da legislação que rege os processos de aquisição de insumos e as contratações de serviços para o poder público.

Será realizada uma coletiva de imprensa no paço municipal que fica na rua José Cláudio Alves dos Santos, nº 585, Remanso Campineiro,  hoje, 20/04, às 14h para atender as demais dúvidas. 

 
 
Comentários via Facebook