Polícia Civil apreende cerca de 900 garrafas de bebidas alcoólicas falsas em Campinas e Paulínia

Foto: Polícia Civil

A Polícia Civil apreendeu cerca de 900 garrafas de bebidas alcoólicas falsificadas, além de 500 litros de uísque falso e outros petrechos usados nas fraudes, em três ações distintas ocorridas na região de Campinas entre ontem (13) e hoje (14). Como resultado dos trabalhos policiais, quatro pessoas, entre 19 e 35 anos, foram presas.

Nesta quinta-feira (13), equipes da 1ª Delegacia de Investigações Gerais (DIG), da Divisão Especializada de Investigações Criminais (Deic) de Campinas, prenderam três homens em uma fábrica clandestina de bebidas alcoólicas instalada na cidade, mais precisamente na rua Professora Carolina de Oliveira.

No local, foram apreendidas 356 garrafas cheias de uísque de marcas diversas e outras 500 vazias, bem como 10 tambores contendo 50 litros de uísque cada, duas prensas para lacrar as garrafas, 50 frascos contendo essências, 500 embalagens e caixas para a bebida, 2.000 rótulos adesivos e lacres plásticos, 500 tampas e 500 selos de IPI.

Em outra ação, nesta sexta-feira (14), equipes da mesma especializada prenderam outro homem em um imóvel na rua Marcelina Rodrigues Paschoal, durante o cumprimento de um mandado de busca e apreensão.

Na casa, foram recolhidas 50 garrafas de bebidas alcoólicas falsificada e 3.000 maços de cigarros sem nota fiscal, bem como 110 maços palheiros, 44 cartelas de seda, 100 isqueiros, um cartão bancário, folhas de cheque, uma máquina de cartão e R$ 1.185 em espécie. Nas duas ações foram solicitados exames periciais e os autores indiciados por falsificação de produtos alimentícios, permanecendo detidos à disposição da Justiça.

PAULÍNIA

Outra ocorrência semelhante ocorreu hoje, na cidade de Paulínia. Na ação, equipes do Setor de Investigações Gerais (SIG) do município foram até um depósito, na rua Oscar Pereira, para cumprir um mandado de busca e apreensão, e no local encontraram 487 garrafas com bebidas alcoólicas falsificadas, além de outras 217 garrafas vazias. Todo o material foi apreendido para perícia e as investigações prosseguem para identificar e deter o responsável pela fraude.

INDAIATUBA

Além dos flagrantes desta semana, no dia 5 deste mês, a 1ª DIG da Deic de Campinas foi responsável pela prisão de um homem, de 30 anos, que comercializava bebidas alcoólicas falsificadas em Indaiatuba. Na ação, 24 garrafas de uísque foram apreendidas.

Fonte: Secretaria de Segurança Pública (SSP)
Texto: Nathália Pagliarini

Comentários via Facebook