Quais são os sintomas da Variante em pacientes em Hortolândia?

A variante da Covid-19 tem circulado na cidade e infelizmente muitas pessoas estão entendendo que pandemia está ao fim com a chegada da vacina. Enquanto isso, o Coronavírus tem sofrido mutações e ficado ainda mais forte. As variantes não devem ser tratadas da mesma forma como a Covid-19. Os sintomas não são os mesmos e muitas pessoas tem sido intubadas por retardarem o tratamento.

É o caso do pai do repórter Waldir Junior. Ele foi infectado com a variante da Covid-19 e como não estava com os mesmos sintomas não procurou a Unidade Médica. Infelizmente após uma semana, foi confirmado que era Covid-19. Waldir foi internado e um dia após foi intubado. Após onze dias não resistiu e veio a óbito. 

Os sintomas da Covid-19 em 2020 era perda de olfato e paladar, febre. Já a variante tem ocasionado sintomas diferentes. Pacientes tem relatado que o primeiro sintoma é uma certa coceira na garganta. Orientação médica é que o tratamento deve acontece o quanto antes possível para que o vírus não propague dentro do corpo. “O pulmão de um paciente com Covid-19 pode ser tomado em questão de horas”, afirmou uma enfermeira que trabalha no CECOVID em Vespasiano-MG. 

Ao perceber qualquer sintoma estranho, procure uma Unidade médica o quanto antes possível. Não permita que o vírus se alastre dentro de você e prejudique seu pulmão, pois poderá ser tarde demais.

Direto da Redação
TV HORTOLÂNDIA
Emissora Rede Brasil de Televisão.

Comentários via Facebook