Boituva registra Boletim de Ocorrência sobre moradores de rua levados pela Prefeitura de Monte Mor

A Prefeitura de Boituva (SP) informou na última quinta-feira (15 de julho) que registrou Boletim de Ocorrência na Polícia Civil após uma van desembarcar 10 pessoas em situação de rua na cidade. A administração municipal informou ainda que pretende encaminhar uma denúncia de violação de Direitos de Humanos ao Ministério Público (MP).

Profissionais do Centro de Referência Especializada em Assistência Social (CREAS) e do Serviço de Obras Sociais (SOS) de Boituva informaram que fizeram o acolhimento das pessoas: “os serviços que fizeram o acolhimento destas pessoas apuraram, através de seus relatos e de contato com o CREAS da cidade de Monte Mor, que esta foi uma iniciativa da Prefeitura montemorense”.

Os profissionais relataram ainda que uma van desembarcou 10 moradores de rua na terça-feira (13) na cidade. Na quarta-feira (14), essas pessoas foram abordadas por uma equipe da Guarda Civil Municipal (GCM) de Boituva, que os orientaram a pernoitar no ginásio de esportes. A Prefeitura de Boituva informou ainda que as pessoas que desejarem receberão passagem social para sua cidade de origem.

HISTÓRICO

Moradores de rua de Monte Mor estão sendo levados à força para outras cidades da região. A ação da Prefeitura teve início nesta semana e objetiva “deixar a cidade limpa”. De acordo com o prefeito municipal, Edivaldo Brischi, somente na quarta-feira (14 de julho) foram seis viagens: A partir de hoje, eu vou começar a mostrar como se governa uma cidade. Fiquem bravos comigo, pode ficar. Mas agora tem prefeito nessa cidade. Ontem foram seis viagens, foram embora para Rio das Pedras, Bauru, Campinas, São Paulo, Orquídeas”.

“Estão criticando eu [sic] na internet. Sabe o que eles fazem com a marmita que vocês fazem aqui? Jogam fora! Tem foto deles jogando fora! Ajude um pai de família, eles não comem, eles jogam fora as marmitas” – disse Brischi.

O prefeito disse ainda que será feito um trabalho de “revitalização” no entorno da rodoviária da cidade, com a colocação de mais lâmpadas de iluminação e a limpeza, que será feita pela Defesa Civil.

“Eu sei que muitas pessoas vão xingar eu, mas eu tô fazendo o certo [sic]. Querem ajudar alguém? Ajude um pai de família” – finalizou Brischi.

 

Foto: Prefeitura de Boituva

Comentários via Facebook