Mulher surta e tenta matar vendedora atropelada em Sumaré

Na noite desta terça-feira (5), uma mulher de 34 anos surtou e tentou matar uma vendedora atropelada. O caso ocorreu em Sumaré, e a briga teria começado dentro de um ônibus.

A vítima, de 26 anos, disse que a briga teria acontecido por ciúme. Após descer do ônibus, a esposa do motorista teria entrado em um carro, a perseguido e tentado atropelá-la três vezes, antes de um vizinho a salvar.

O marido da autora era o motorista do ônibus, e teria sido cumprimentado pela vítima, que estava voltando do trabalho. A discussão se iniciou quando a vítima solicitou ao motorista para parar um pouco antes do ponto, pois era noite e o local é perigoso. A esposa do motorista que também estava no ônibus não gostou da atitude, e começou a discussão.

A autora do crime seguiu de ônibus até a rodoviária de Sumaré, onde pegou seu carro e começou a procurar pela vítima, que foi encontrada na Rua Joseph Pleasent Fenley, no Jardim São Domingos. Foi então que a mulher tentou atropelar a vendedora por três vezes seguidas, mas conseguiu apenas atingir o braço da mulher, que fugiu e foi acolhida por um vizinho na Rua José Prestes da Silva.

A vítima foi acompanhada do marido até a sede da empresa de ônibus, onde se deparou com o motorista do ônibus e a mulher que atentou contra sua vida, acionando a Polícia Militar.

A vendedora foi encaminhada à UPA (Unidade de Pronto-Atendimento) Macarenko com escoriações e ferimentos leves. Já a autora do atentado foi presa pelo delegado por tentativa de homicídio simples, e encaminhada à cadeia de Monte Mor.

Direto da Redação
Henrique Amaral – TV HORTOLÂNDIA
Emissora Rede Brasil de Televisão

Comentários via Facebook