Construtora é acusada de abandonar parte da obra no Firenze e deixa estrada parcialmente interditada

Moradores do Bairro Novo Horizonte e Taquara Branca estão sendo prejudicados com as obras na Estrada Municipal Pedrina Guilherme no Jardim Firenze em Hortolândia-SP. Eles acusam a construtora ERP, responsável por duas torres de apartamentos residenciais de abandonar parte da obra. A instalação da tubulação de água da obra é de responsabilidade da Construtora.

Moradores relatam que há mais de dez dias que as obras foram descontinuadas. Há sinalização de homens trabalhando na estrada, mas foram vistos nenhum trabalhador. Os buracos que foram abertos para instalação da tubulação foram tapados, mas o serviço de recapeamento da via não foi finalizado. 

Uma das faixas da Estrada permanece interditada e moradores temem acidentes no local. As fortes chuvas das últimas semanas deixaram a estrada quase intransitável e com muito barro. Nossa equipe tentou entrar em contato com Assessoria de Imprensa da Construtora, mas ainda não houve nenhuma resposta. 

Direto da Redação
TV HORTOLÂNDIA

Comentários via Facebook