Com a construção do “Superviário”, Hortolândia ganhará novo parque linear

Com a construção do “Superviário”, o maior complexo viário da cidade, Hortolândia ganhará também mais uma importante área de lazer e convivência: um parque linear que atravessará diversos bairros próximos à Região Central. Ele margeará todo o complexo viário, indo da Avenida Panaíno, no bairro Green Park, até a Avenida Amélia Basso Breda, mais conhecida como “Rua da Feira”, na Vila Real. As intervenções são realizadas com recursos do Banco CAF (Banco de Desenvolvimento da América Latina), provenientes de financiamento internacional contratado pela Prefeitura em 2018 para realização de diversas obras de infraestrutura e mobilidade urbana, ações que garantirão a retomada do desenvolvimento econômico da cidade.

Segundo a Secretaria de Obras, este novo espaço terá 5,1 mil metros de extensão e passará por bairros como Vila Real, Nova Hortolândia, São Jorge, Jardim Minda, Remanso Campineiro, Parque dos Pinheiros e Carmem Cristina. 

De acordo com o Departamento de Projetos e Orçamentação da Secretaria de Obras, o novo parque contará com iluminação em led em todo o complexo, disponibilizando ainda ciclovias, pistas de caminhada, trechos de transposição da linha férrea, academias ao ar livre, parquinhos, bancos, lixeiras e estacionamento (veja abaixo). 

A obra do “Superviário começou há pouco mais de um ano, em junho de 2021, e tem previsão de término no segundo semestre de 2022. As intervenções já atingiram os 86,23% de realização. Por meio delas haverá a integração entre regiões antes afastadas ou de difícil acesso.

Confira as benfeitorias a serem implantadas no novo parque, trecho a trecho:

    • Trecho na Vila Real – sistema viário com 1.550m, pista de caminhada e ciclovia ao longo do sistema viário, cinco academias ao ar livre, dois play grounds, dois espaços de convívio com lixeiras e bancos. 

    • Trecho Vila Real-Nova Hortolândia (vai da rua projetada para a ligação da nova avenida como prolongamento da Av. Amélia Basso Breda até a Rua Frederico Alves da Costa, no Jd. Nova Hortolândia) – sistema viário com 370m e pista de caminhada.

    • Trecho São Jorge (via em construção conectando a Rua Frederico Alves da Costa até a Rua Amazonas, no Jd. São Jorge) – sistema viário com 330m.

    • Trecho Carmem Cristina (da Estrada Municipal Sabina Baptista de Camargo, entre a Rua Flamboyant, no Carmem Cristina, até a rotatória que leva à Estrada Municipal Carlos Roberto Prataviera, no aceso ao Jd. Nova Europa) – novo sistema viário com 1.450m, ciclovia e pista de caminhada ao longo do sistema viário.

    • Trecho sob a Ponte da Esperança (inclui a Av. Panaíno, atrás do Condomínio Green Park, integrando desde a Av. da Emancipação, no Jd. Santa Clara, até a Av. Antônio da Costa Santos, no Jd. Novo Ângulo) – novo sistema viário com 1.500m, pista de caminhada ao longo do sistema viário, ciclovia com 2.700m, uma academia ao ar livre, um play ground, dois espaços de convívio com lixeiras e bancos e um estacionamento.

    • Trecho Remanso Campineiro (vai da Rua Luiz Camilo de Camargo, à direita de quem segue no sentido bairro-centro, paralelo à linha férrea, desde o Remanso Campineiro, até o Parque dos Pinheiros, no cruzamento com a Av. da Emancipação) – pista de caminhada e ciclovia com 2.490m, uma academia ao ar livre e quatro espaços de convívio com lixeiras e bancos.

Imagem e informações: Prefeitura de Hortolândia

Comentários via Facebook