Novas empresas instaladas neste ano em Hortolândia devem gerar mais de 700 vagas de emprego

De acordo com estimativa da Prefeitura, total de investimentos das novas empresas na cidade gira em torno de R$ 350 milhões

Hortolândia retoma, gradativamente, o desenvolvimento econômico, apesar ainda dos impactos causados pela pandemia. Um sinal positivo que indica esse fato é a chegada de sete novas empresas ao município desde o início deste ano. Algumas dessas empresas já iniciaram suas atividades, enquanto que outras estão em processo de instalação. De acordo com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Turismo e Inovação, a previsão é que, juntas, essas novas empresas gerem mais de 770 vagas de emprego. 

O secretário adjunto de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Turismo e Inovação, Dimas Corrêa Pádua, destaca ainda que, para cada nova vaga de emprego direto criada por essas empresas, a estimativa é que sejam geradas de três a quatro vagas de emprego indireto. 

Outro dado importante que impacta na economia do município é o total de investimentos. De acordo com o secretário adjunto Dimas Corrêa Pádua, a estimativa é que, somando os investimentos realizados por essas novas empresas, o valor total seja em torno de R$ 350 milhões. “Neste momento de retomada pós-pandemia, a vinda dessas novas empresas é fundamental sob as perspectivas de geração de emprego e renda e de aumento da receita do município”, ressalta Pádua. 

Outras ações 

Outro dado positivo que indica a retomada econômica de Hortolândia é a marca de mais de R$ 1 milhão de empréstimos feitos para empreendedores da cidade pelo Banco do Povo, órgão vinculado à Prefeitura. 

Em paralelo ao trabalho para atrair novas empresas para o município, a Prefeitura de Hortolândia realiza outras ações para fomentar a retomada econômica pós-pandemia.

Para impulsionar a atuação de empreendedores no comércio on-line, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Turismo e Inovação em parceria com a empresa Americanas Marketplace promoveu em maio deste ano um workshop sobre vendas on-line. 

O worshop resultou do programa “Agentes de Desenvolvimento Local”, criado pela Prefeitura, em 2021. 

O projeto realiza visita às lojas de diferentes regiões do município. O objetivo é fomentar o comércio local, mapear e levantar a quantidade de estabelecimentos existentes, aproximar a Prefeitura dos empreendedores e acolher suas demandas. A partir da coleta de dados feita nas visitas junto aos lojistas, a Prefeitura definirá e traçará estratégias e ações específicas para cada região da cidade. 

Nas visitas, os agentes também explicam que a Prefeitura tem cinco órgãos de fomento e apoio ao empreendedorismo e ao trabalhador, que são os seguintes: Banco do Povo, Casa do Empreendedor, PAT (Posto de Atendimento ao Trabalhador), Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) Aqui, que ficam dentro do HORTOFÁCIL, e Centro Afroempresarial, que fica dentro do Shopping Hortolândia.

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Turismo e Inovação, João Pereira da Silva, ressalta que as obras e ações que a Prefeitura realiza de forma integrada estão ajudando a retomada econômica do município. 

“Hortolândia já tem uma localização privilegiada, sob o ponto de vista logístico. As obras de infraestrutra viária, em execução pela Prefeitura, vão contribuir para o município se desenvolver ainda mais. Uma prova disso é que as obras já estão atraindo a vinda de novas empresas. Neste ano, sete novas empresas já iniciaram suas atividades ou estão em fase de instalação no município. Juntas, elas já começaram a impactar na geração de emprego e renda para a população e de receita para o município. Além das obras, a Prefeitura também olhado com atenção para empreendedores de pequeno e médio portes. Esse segmento também é importante para o município, pois emprega e gera renda para uma quantidade expressiva de pessoas. Portanto, é de vital importância a Prefeitura também fomentar os empreendedores da cidade e ajudá-los a incrementar seus negócios. Sendo assim, a Prefeitura tem realizado várias ações, como a parceria com a Americanas Marketplace para estimular a participação dos empreendedores no comércio on-line.  Também temos oferecido capacitações para os empreendedores para que possam aumentar as vendas. Mas o trabalho não para. Estamos reavaliando outros projetos e ações, que foram suspensos por causa da pandemia. Vamos analisar a possibilidade de retomá-los para que também possam ajudar outros segmentos econômicos importantes do município”, destaca o secretário João Pereira da Silva.

Comentários via Facebook