PF cumpre mandados contra pornografia infantil e estupro de vulnerável em Campinas

A PF (Polícia Federal) de Campinas deflagrou na manhã de hoje (15) mandados de busca e apreensão para investigar crimes relacionados à pornografia infantil e estupro de vulnerável em diversas cidades da região, sendo o principal dos suspeitos de Campinas.

No total foram expedidos quatro mandados pelas Varas Federais de Campinas, São João da Boa Vista e Jundiaí, sendo cumpridos em Campinas, Indaiatuba, Jundiaí e Mogi Mirim. A corporação apreendeu celulares e as unidades de armazenamento dos computadores dos investigados.

De acordo com a nota, um dos investigados também é suspeito de produzir conteúdos de pornografia infantil, visto que um dos quartos visitados pelos agentes foi identificado como o mesmo que aparece em vídeos envolvendo menores de idade. Caso comprovado, o responsável pode responder não apenas pela divulgação dos conteúdos, mas também por estupro de vulnerável.

A Operação foi batizada de “Hora da Infância”, e as investigações apuraram que imagens de abuso sexual infantil foram divulgadas em redes sociais e aplicativos de mensagem, inclusive em grupos. A PF realizará uma análise do material que foi apreendido para tentar identificar outros envolvidos na prática, e os responsáveis poderão receber penas de até 27 anos de prisão caso considerados culpados de produzir e distribuir os materiais.

Direto da Redação
Henrique Amaral – TV HORTOLÂNDIA
Emissora Rede Brasil de Televisão
Imagem: Divulgação/Polícia Federal

Comentários via Facebook