Ex-secretário de Sumaré é acusado de cobrar apartamentos como propina

O ex-secretário de Governo de Sumaré, Welington Domingos Pereira, conhecido como Welington da Farmácia, está sendo acusado no Ministério Público de São Paulo por receber propina para liberação de empreendimentos.

A denúncia cita dois empresários que teriam sido chantageados pelo então secretário, que teria cobrado uma porcentagem da venda dos apartamentos para concessão do alvará de obras, aceitando inclusive apartamentos como forma de pagamento.

Em junho, o Gaeco (Grupo de Atuação Especial ao Crime Organizado) realizou uma operação onde Welington era o principal alvo. As chantagens teriam tido início após a cassação do alvará da vítima durante as obras. A Prefeitura de Sumaré também está apurando as denúncias – o ex-secretário segue afastado durante as investigações.

Direto da Redação
Henrique Amaral – TV HORTOLÂNDIA
Emissora Rede Brasil de Televisão
Foto: Reprodução/Google Street View

Comentários via Facebook