Lula pretende anunciar chefes das Forças Armadas na próxima semana

O presidente eleito Lula (PT) avisou a aliados que anunciará na próxima semana o futuro ministro da Defesa e os nomes dos novos comandantes das Forças Armadas.

– FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

Coordenador dos grupos técnicos da transição, o ex-ministro da Casa Civil Aloizio Mercadante já adiantou que um civil será o ministro da Defesa. E o blog apurou que o mais cotado é o ex-ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) José Múcio Monteiro.

Além disso, o general Júlio César de Arruda deve ser indicado o novo comandante do Exército. Arruda é o mais antigo general de quatro estrelas da tropa e atualmente chefia o Departamento de Engenharia e Construção.

Nesta segunda (28), Lula discutiu o assunto em uma reunião na qual estavam o vice-presidente eleito Geraldo Alckmin, Mercadante, o próprio José Mucio e ex-comandantes das Forças Armadas, como Juniti Saito (Aeronáutica), Enzo Peri (Exército) e Nivaldo Rossato (Aeronáutica).

Segundo assessores de Lula, a escolha dos novos comandantes de Exército, Aeronáutica e Marinha serão escolhidos pelo critério da antiguidade. E serão anunciados na semana que vem para garantir tranquilidade e harmonia com as Forças Armadas.

O presidente eleito quer manter um canal direto com os militares, prestigiando a corporação como ocorreu nos seus dois mandatos anteriores.

Ministério da Defesa

Criado em 1999, o Ministério da Defesa foi chefiado por civis nos governos Fernando Henrique Cardoso, Lula e Dilma Rousseff.

Em 2018, último ano do governo Michel Temer, a pasta passou ser comandada por militares.

O governo Jair Bolsonaro, que assumiu em 2019, também manteve militares à frente do ministério nos últimos quatro anos.

Comentários via Facebook