Mãe de detento envia LSD em fatia de mortadela para o presídio de Hortolândia

Segundo a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP), policiais penais do Centro de Detenção Provisória (CDP) de Hortolândia encontraram 275 micropontos de LSD dentro de uma mortadela. O flagrante ocorreu hoje, 3, durante o procedimento de revista das mercadorias enviadas por familiares de detentos.
No caso desta ocorrência, a remetente está cadastrada no rol de visitas como mãe de um custodiado. O material apreendido foi encaminhado para a delegacia, onde foi feito o boletim de ocorrência. O preso que receberia o alimento foi isolado preventivamente para procedimento disciplinar.

A SAP informou que as pessoas flagradas tentando introduzir ilícitos no sistema prisional são suspensas do rol de visitas temporariamente.

Maconha é encontrada em mercadoria enviada para o CDP de Hortolândia

Mãe de custodiado enviou a droga dentro de um pacote de fumo

A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) divulgou que agentes de segurança do CDP de Hortolândia encontraram 24 gramas de maconha escondidos dentro de uma embalagem de fumo que a mãe de um custodiado havia enviado para o CPP.

Segundo a SAP, o flagrante ocorreu ontem (20) à tarde, quando foi feito a revista das mercadorias enviadas por familiares de detentos para a unidade prisional. O material apreendido foi encaminhado para a Delegacia, onde foi instaurado o boletim de ocorrência.

O preso que receberia os itens pessoais foi isolado preventivamente para apuração dos fatos.

De acordo com a SAP, as pessoas que tentam inserir ilícitos nas unidades prisionais são suspensas do rol de visitas temporariamente.

Mulher tenta entrar em presídio de Hortolândia com maconha sintética no chinelo

No último domingo (8), uma mulher tentou entrar com maconha sintética no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Hortolândia (SP). A substância estava dentro do chinelo.

A suspeita que visitaria o companheiro que está preso, foi flagrada ao passar pelo processo de revista com scanner. A mulher estava com um corte na sola do chinelo, onde a droga estava escondida.

Após o flagra, a mulher foi encaminhada para a delegacia da Polícia Civil e o companheiro detento foi isolado até o fim da apuração dos fatos.