Corpo encontrado no Rio Mogi Guaçu, em Leme, pode ser de jovem desaparecido

A Polícia Civil investiga se um corpo de um homem encontrado enroscado em galhos no Rio Mogi Guaçu, em Leme, seria de Guilherme Henrique de Jesus, de 21 anos.

– FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)

A suspeita foi levantada por causa do curso do rio e pelo fato do corpo estar em estado de decomposição.

Guilherme caiu com o carro no Rio Mogi Guaçu, no acesso ao município de Mogi Guaçu, na segunda-feira passada. As circunstâncias do acidente ainda são desconhecidas.

O corpo foi localizado por moradores do bairro Ribeirão do Meio, em Leme. O homem estava com uma camiseta da Seleção Brasileira, não estava com documentos, mas no braço direito havia um relógio dourado.

A polícia ainda informou que, nos últimos dias, não foi registrado nenhum caso de desaparecido em Leme. 

Familiares de Guilherme vão ser chamados pela polícia para um possível reconhecimento. 

As buscas continuaram neste fim de semana no trecho onde o carro caiu e em quilômetros à frente do Rio Mogi Guaçu.

Nenhum vestígio de Guilherme ou do carro foram localizados.

Jovem de 28 anos morre vítima de Covid-19 em Americana

Um jovem de apenas 28 anos morreu na manhã desta terça-feira, 25, por complicações da Covid-19. Well Felix, era morador de Americana e trabalhava no atendimento da unidade do Poupatempo da cidade, onde era conhecido por ser muito simpático. 

Well estava internado e intubado com 80% do pulmão comprometido, no Hospital São Lucas em Americana, desde a semana do dia 10 de janeiro onde ficou até hoje, quando faleceu. 

Os amigos contam que o jovem lutava contra alguns problemas de saúde, porém já havia sido vacinado com as duas doses da vacina contra Covid-19.

O velório irá acontecer nesta quarta-feira, 26, a partir das 7h no Cemitério do Parque Gramado em Americana e o enterro será às 10h30, no Cemitério Cabreúva, em Santa Bárbara d’Oeste.