Segunda morte por varíola dos macacos em SP é confirmada

A prefeitura de Praia Grande, no litoral paulista, confirmou a morte de um morador do município devido a varíola dos macacos (monkeypox). O homem, de 37 anos, faleceu na cidade de Santos, na madrugada desse sábado (15).

De acordo com a prefeitura de Praia Grande, a vítima havia sido diagnosticada com a doença no início de agosto. Em setembro foi internada em um hospital particular da cidade em razão de infeções secundárias. Posteriormente, foi transferida para um hospital particular em Santos, onde morreu.

“Em todo o período em que esteve internado, o paciente foi acompanhado pelo serviço Acolhe Praia Grande da Secretaria de Saúde de Praia Grande e monitorado pela Divisão de Vigilância Epidemiológica”, diz texto de nota da prefeitura.

No último dia 12, a Secretaria Estadual da Saúde de São Paulo já havia confirmado a primeira morte no estado de um paciente vítima da doença. Ele tinha 26 anos, morava na capital paulista e apresentava diversas comorbidades. O paciente estava internado no Instituto de Infectologia Emílio Ribas desde o dia 1º de agosto.

Informações: Agência Brasil

RMC chega a 93 casos de varíola dos macacos e SP passa a marca de 3000 notificações

A Secretaria Estadual de Saúde confirmou um novo caso de varíola dos macacos em Hortolândia na noite de ontem (31). Com a confirmação, a RMC (Região Metropolitana de Campinas) chega a 93 casos confirmados da doença.

Este foi o 2º caso confirmado em Hortolândia. Na região, Campinas é a cidade com mais confirmações e soma 56 notificações da doença e é seguida por Santa Bárbara d’Oeste, com 8 casos confirmados. Em todo o estado foram 3.0001 confirmações.

Direto da Redação
Henrique Amaral – TV HORTOLÂNDIA
Emissora Rede Brasil de Televisão